Certas Palavras

Blogue de Marco Neves

Cinco artigos úteis para quem escreve em português

kids-1093758_1280

Já que este blogue teve uma inundação de novos assinantes nos últimos dois dias, lembrei-me de criar uma lista de alguns artigos do blogue que me parecem úteis para quem escreve em português.

  1. «Três passos para escrever melhor em português» Antes de mais, uma advertência: se acha possível escrever bem seguindo uma receita qualquer, ainda por cima em três míseros passos, pode ir tirar o cavalo da chuva. Depois de ler este pobre artigo não vai ficar a saber escrever bem — mas talvez consiga escrever um pouco melhor. Gostava ainda de avisar os incautos que querem … [Continue a ler]typewriter-801921_1280
  2. «Cinco truques para desemperrar a escrita» Hoje em dia, todos escrevemos imenso: na nossa vida profissional, na nossa vida pessoal — às vezes, até por prazer (como é o meu caso, quando me ponho a escrevinhar neste blogue). Ora, nem sempre estamos para aí virados: ou estamos cansados, ou não temos ideias, ou achamos que tudo vai sair mal — ou talvez até … [Continue a ler]
  3. «Como criar um blogue em português» Uma amiga minha perguntou-me que sítio recomendo para criar um blogue. Ora, que melhor sítio para responder a esta pergunta do que um blogue? Assim, aqui ficam as minhas quatro sugestões de plataformas para quem quer começar a escrever até que os dedos lhe doam: O Blogger.com é a plataforma clássica e muitos dos grandes blogues portugueses … [Continue a ler]interview-851440_1920
  4. «Cinco armadilhas do e-mail» Hoje apetece-me falar do e-mail. Não é fácil, digo-vos já. É como falar do dentista: não deixa de ser útil, mas há sempre coisas mais interessantes para discutir. E, no entanto, convém ir ao dentista — e convém pensar no e-mail. É por e-mail que escrevemos, hoje, tanta e tanta coisa. É por e-mail que recebemos notícias, … [Continue a ler]
  5. «Sete dicas para rever as nossas próprias traduções» (Este é um artigo escrito a pensar nos tradutores, mas que pode ser útil para todos os que querem rever os seus próprios textos.) Antes de mais, um conselho. Ou melhor, um pedido muito insistente. É o que lhe quiserem chamar: importante mesmo é ler as nossas traduções no fim. Ora, não é fácil. No fim da tradução, estamos cansados. Provavelmente, o prazo está a chegar ao fim. Estamos enjoados do texto. Já não conseguimos ver aquilo à frente. Ainda … [Continue a ler]

Espero que gostem!

Anterior

Os portugueses, na Galiza, gostam de falar espanhol?

Próximo

O estranho caso do português que pensava que sabia inglês

2 Comentários

  1. Dilma Coelho

    Olá.
    Ótimos os seus textos. Estou sempre tentando aprender mais alguma coisa e eles ensinam-me muito.
    No ano passado abri um blog (WordPress.com) e paguei o domínio… Estranhamente o HD externo, no qual havia colocado uma boa parte do material para o blog, parou de funcionar, aliado a outros obstáculos, fez-me desistir de escrever. Agora, no início de março, preciso decidir se continuo com o domínio ou não, tenho um prazo ou renovam automaticamente ou perderei o domínio.
    Tempos atrás, alguém sugeriu-me abrir um blog, pois acredita que eu teria informações a passar… Tenho interesse por vários assuntos. De um tempo para cá ando desanimada com boa parte do ser humano. Não assinei o Facebook, nem pretendo assinar. Pergunto e peço que responda-me sinceramente, vale a pena abrir um blog? Estaria eu omitindo-me ? Ou dando asas ao desânimo?
    Muito grata.
    Um carinhoso abraço,
    Dilma Coelho

    • Marco Neves

      Cara Dilma: acho que deve escrever. Não faz mal nenhum e ajuda a arrumar as ideias. Se um dia se fartar, é só parar. Não vejo desvantagens! E sempre encontra pessoas que escrevem e comentam de forma muito interessante 🙂

Deixe uma resposta

Powered by WordPress & Autor do grafismo: Anders Norén

Ao continuar a usar este website, autoriza a utilização de "cookies". mais informação

As definições de "cookies" neste website permitem a utilização de "cookies" para oferecer ao leitor a melhor experiência possível. Se continuar a usar este website sem alterar as definições de "cookies" ou se clicar em "Aceitar" está a autorizar o uso de "cookies".

Fechar