image

Fonte: Berlengas.eu

Ora, hoje tenho a segunda apresentação do livro Doze Segredos da Língua Portuguesa, na terra onde nasci.

A apresentação é feita por convite da Câmara Municipal de Peniche, no Auditório do Edifício Cultural, às 21h30. O livro será apresentado pelo prof. José Monteiro, da Escola Secundária de Peniche. Estão todos convidados.

Agora, não se enganem com a imagem: não é preciso ir de barco. Mas a verdade é que a cidade de Peniche inclui as Berlengas e há poucos pontos da costa portuguesa tão fotogénicos…

O meu amigo Luís (autor duma obra secreta que refiro no livro) andou a passear por Peniche há uns anos. Por razões meteorológicas, nunca conseguiu ver essas ilhas encantadas e ainda hoje às vezes me diz que as Berlengas são como a Atlântida: não existem… Um dia ainda o hei-de levar lá — a ele e aos outros meus amigos, para sabermos todos como é pôr os pés numa ilha mitológica (pronto, são mitologias privadas, mas também contam).

Bem, fora de histórias, apareçam hoje à noite. Mesmo se estiverem longe, vale a pena passear por Peniche, para ver ilhas, praias — e ouvir falar dos segredos da língua.

ADENDA

Aqui ficam algumas fotos do evento (as duas primeiras foram tiradas por Carlos Almeida e as duas últimas pela Zélia). Muito obrigado a todos os que estiveram presentes e à Câmara pelo convite. Foi uma sessão muito calorosa, que me deixou muito feliz.

Foto de Carlos Almeida

José Monteiro, que apresentou o livro, Clara Abrantes, vereadora da Cultura, Jorge Abrantes, vice-presidente da Câmara, o autor deste blogue e Ângela Malheiros, moderadora e bibliotecária. Foto de Carlos Almeida.

Tó-Zé Correia, presidente da Câmara, com o livro que lhe ofereci.

O meu livro mais recente é A Baleia Que Engoliu Um Espanhol (Guerra & Paz, 2017). Sou ainda autor de A Incrível História Secreta da Língua Portuguesa e Doze Segredos da Língua Portuguesa. Saiba mais nesta página.